quarta-feira, 18 de agosto de 2010

CCZ dá orientações para evitar presença de roedores em área urbana

No período de clima quente e seco do ano, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) intensifica o combate aos roedores em toda a cidade. Fatores como calor e focos de queimadas, influem para que esses animais entrem nas residências.

 

Nos meses de junho, julho e agosto é há um aumento de 10% no número de pedidos de controle feitos pela comunidade ao CCZ. "Os animais agem por instinto e buscam lugares onde possam encontrar boas condições para permanência, com água, alimento e abrigo. Por isso, a população deve redobrar os cuidados", informou Juliana Junqueira, coordenadora do Programa de Agravos e Roedores do CCZ.

 

De acordo com Juliana, existem três espécies de roedores urbanos: o camundongo, o rato preto e a ratazana, também chamada de rato de esgoto. "Ela é a maior transmissora da leptospirose, pois alberga a bactéria que causa esta doença infecciosa. É bom lembrar que estes animais podem contaminar alimentos e que, por esta razão, devemos ficar atentos", explicou.

 

Se a pessoa verificar a presença de roedores em casa ou através de vestígios, como barulhos estranhos, artefatos roídos ou excrementos, pode ligar no telefone 3213-1470. "Após ser notificada, uma equipe do Centro de Controle de Zoonoses vai até à residência para verificar a situação. Os agentes identificam a espécie de roedor pelas fezes e colocam raticida em alguns locais do imóvel. Além disso, orientam os moradores e voltam posteriormente para fazer um monitoramento da área", expôs a coordenadora.

 

Segundo Juliana Junqueira, algumas atitudes simples podem impedir a invasão de roedores. "Manter portas fechadas, tampar frestas e colocar telas em ralos são algumas das ações que mantém estes animais afastados do ambiente doméstico. Também é preciso deixar a casa sempre limpa, pacotes e potes de alimentos bem fechados. As vasilhas de ração para alimentação de cães, pássaros e gatos devem estar higienizadas e lacradas após às 18h, já que os roedores tem hábitos noturnos. Os sacos de lixo também devem ficar bem fechados", instruiu.

 

Secom PMU

--
farolcomunitario | rede web de informação e cultura
coletivo de imprensa | www.coletivodeimprensa.jor.br