sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Odelmo Leão viabiliza mais de R$ 5,7 milhões para atender a saúde

Recursos serão usados para prevenção e controle do Aedes aegypti, implantação do Rede Cegonha e para custeio do Caps AD

Daniel Nunes/arquivo
Nas últimas atividades como deputado federal, Odelmo Leão (PP), conseguiu viabilizar R$ 5.753.704,49 milhões para atender a saúde em Uberlândia, que é uma das grandes preocupações do prefeito eleito de Uberlândia. As portarias com a liberação dos recursos foram publicadas no Diário Oficial da União desta quinta (29) e sexta-feira (30). 

Considerando a necessidade de intensificar as medidas de vigilância para prevenção e controle do mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus da dengue, febre chikungunya e zika, além da necessidade de realização de levantamentos de índices de infestação para serem utilizados como ferramentas das ações de prevenção e controle, o Ministério da Saúde autorizou repasse no Piso Variável de Vigilância em Saúde (PVVS), no valor de R$ 518.629.44 

O Ministério da Saúde também autorizou recurso para a expansão do programa Rede Cegonha em Minas Gerais, que assegura às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez. Ficou aprovado o componente Parto e Nascimento do Plano de Ação Regional da Rede Cegonha, referente à região de saúde do Triângulo do Norte. Em Uberlândia, o Hospital Municipal Dr. Odelmo Leão Carneiro e o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) receberão, ao todo, R$ 4.875.075,05. 

Além desses recursos, o Ministério da Saúde aprovou, ainda, o financiamento e a transferência dos recursos federais para atender pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso álcool e drogas, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). O MS liberou para Uberlândia R$ 360 mil para custeio do Centro de Atenção Psicossocial para Álcool e outras Drogas (Caps AD). 

Com esses repasses, Odelmo Leão espera garantir um atendimento digno à população como tinha há quatro anos, além de recuperar Uberlândia e fazer com que a cidade volte a ser exemplo de desenvolvimento e qualidade de vida.

Assessoria Deputado Federal Odelmo Leão