sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

MadreCor participa da campanha e faz doação de brinquedos

Divulgação: Parte dos brinquedos arrecadados

Colaboradores do MadreCor participam da campanha de Natal dos Correios e doam brinquedos


Os colaboradores do Hospital e Maternidade MadreCor deixaram a solidariedade falar mais alto e contribuíram com a campanha "Papai Noel dos Correios", deste ano. Foram atendidas 100 cartinhas de crianças que enviaram seus pedidos para os Correios.

 

A iniciativa de disseminar a campanha no MadreCor foi do enfermeiro auditor, Cláudio Sousa. Cada colaborador adotou uma cartinha. "É uma campanha que eu participo há algum tempo e resolvi trazer para cá, porque á ideia é boa. É uma ação nacional promovida pelos Correios que é uma empresa idônea e nos dá segurança, pois utilizamos toda logística e suporte para fazer a entrega dos presentes. A intenção de trazer para o MadreCor era contagiar a todos no local de trabalho. Se cada um fizer sua parte, a campanha será um sucesso em todo país", justifica Cláudio Sousa.

 

O diretor técnico do Hospital, Adrianos Loverdos elogiou a iniciativa. "Foi uma ótima ideia, pois pudemos envolver todos os colaboradores e, juntos, proporcionar às crianças um Natal feliz. Sem dúvida, uma ação de responsabilidade social que faz parte da nossa filosofia", afirmou.

 

A colaboradora Viviane Miranda, do setor de faturamento, participou pela primeira vez da campanha e aproveitou para envolver toda a família. Mãe, pai, namorado e dois amigos adotaram uma carta cada um e contribuíram para incrementar a campanha do MadreCor. "A emoção de poder ajudar é grande. A vontade é atender a todas as cartinhas, mas sabemos que se fizermos nossa parte já estamos contribuindo. Fico feliz por saber que neste Natal algumas crianças estarão felizes e minha família contribuiu para isso", comenta.

 

Campanha
Sob o lema: Todo mundo tem um pouco de Papai Noel, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos realiza, desde 1997, uma campanha para dar resposta às cartas enviadas ao Papai Noel pelas crianças brasileiras e que chegam aos milhares anualmente aos postos dos Correios. O projeto "Papai Noel dos Correios - Adote uma Carta" agrega a ação voluntária de funcionários da empresa e de cidadãos que realizam uma triagem das cartinhas, baseada no critério da origem social da criança e de dados corretos sobre o endereço da mesma. Após a escolha, as cartas ficam à disposição da sociedade para adoção do pedido. Apenas cartas escritas por crianças são respondidas e pedidos de produtos de informática e de celulares são descartados.

 

A resposta do Papai Noel às cartas é a prioridade do projeto no intuito de preservar junto às crianças o encanto e a magia do Natal, com mensagens de amor e esperança. Mas alia outras iniciativas que incluem, além da doação de brinquedos, a de cestas básicas e material escolar para famílias de baixa renda e instituições sociais. Os produtos são doados por empresas e por qualquer pessoa que se interesse em participar da ação solidária.


Érica Magalhães | MF 

-- 
farolcomunitario | rede web de informação e cultura
coletivo de imprensa