sábado, 25 de setembro de 2010

Feincartes: arte dos quatro cantos do mundo até amanhã (26)

 Uberlândia não só sedia o evento, mas também participa com diversos expositores

 A criatividade da cultura Indonésia que carrega diversas tradições e se desenvolve por meio de sua arte pode ser conferida no estande GTO Artesanatos, na Feira Internacional de Artesanato e Decoração Artesanal (Feincartes) que acontece das 15h às 22h, no Acrópole Centro de Eventos até o dia 26 de setembro.

No estande da GTO - empresa especializada na importação de produtos artesanais da Indonésia - o visitante vai encontrar mais de mil peças diferentes, entre esculturas e móveis de madeira Teca. Os móveis feitos com esta madeira podem ser expostos à ação do sol e da chuva, motivo que levou o expositor Orlando Simanjuntak a investir na comercialização de móveis externos, para varandas e jardins. "Além de serem resistentes à umidade, sol e chuva, a importação direta dos produtos faz com que as peças comercializadas pela GTO tenham preços abaixo dos vendidos em lojas de decoração", explica Simanjuntak, que trouxe toda a mercadoria de navio. Há oito anos trabalhando com o artesanato e móveis em madeira e há 4 participando da Feincartes, Orlando afirma que a maior gratificação, além das vendas, é conhecer a cultura de outros países, receber e transferir conhecimento em cada lugar que passa.

Ao todo, são 25 expositores de 14 países e mais de 80 expositores brasileiros. Uberlândia não ficou de fora. Expositores da Feira Gastronômica e da Feira da Gente também participam da Feincartes.

Uma das expositoras da Feira da Gente, Graziele Rodrigues Martins, diz que seu estande está colorido e diversificado. "Aqui se acha de tudo. Tapetes, tecidos, blusas de crochê, mantas, vestidos, chaveiros, porta velas, esculturas, além de licores, cachaças e geléias", lista.

Ricardo da Costa, relações públicas do evento, afirma que tanto a Feira da Gente, quanto a Gastronômica tem tudo a ver com a proposta da Feincartes. "A Feira Gastronômica é uma mistura de culturas e sabores e é isso que buscamos para a nossa feira. Já a Feira da Gente, mostra o que a cidade tem de melhor em artesanato. Uma maneira de expôr as tendências culturais que representam a cidade e a região", conclui.      

Alitéia Milagre | Serifa 

-- 
farolcomunitario | rede web de informação e cultura
coletivo de imprensa