sexta-feira, 19 de março de 2010

Procon divulga pesquisa de pescados

(Foto: Daniel Nunes)
    Muitas pessoas substituem a carne vermelha por pescados durante a Semana Santa. Para ajudar o consumidor a escolher a opção mais em conta, a Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) realizou de 2 a 8 de março uma pesquisa de preços de 20 variedades de pescados, entre peixes de água doce e salgada, em seis estabelecimentos da cidade, sendo dois supermercados e quatro peixarias.

    "É importante que o consumidor pesquise, pois é grande a variedade de preços ofertados", reforçou o  superintendente do Procon, Franco Cristiano. 

    Foi constatada a variação no preço de 8,73% a 149,17%. O menor valor encontrado foi o da sardinha, espécie de água salgada que custa R$2,98 o quilo e o maior foi o quilo do filé de badejo vendido a R$35,00.

    Já entre as espécies de água doce, o menor valor apontado pela pesquisa foi o do Curimba encontrado a R$ 4,59, o quilo. O maior preço foi verificado no quilo do dourado: R$ 29,90.

    Quatro variedades de bacalhau também foram pesquisadas. Filé fresco, Ling, Porto e Saith. Os preços variam de R$16,90, no caso do filé fresco a R$44,90, valor do quilo do Ling.

    Antes da Semana Santa, o Procon ainda fará outra pesquisa de pescados e uma de ovos de páscoa.

    --
    farolcomunitario | rede web de informação e cultura