quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Seminário reúne agricultores no auditório Cícero Diniz nesta sexta-feira (7)

Nesta sexta-feira (7), cerca de 160 agricultores se reunirão no auditório Cícero Diniz, do Centro Administrativo da Prefeitura para participar do Seminário da Agricultura Familiar. É uma realização da Secretaria de Agropecuária e Abastecimento, da Fundação de Excelência Rural de Uberlândia (Ferub), em parceria com o Banco do Brasil.

Segundo o secretário de Agropecuária, Leonídio Bouças, o seminário vai discutir dois assuntos de extrema importância para a classe rural, o programa de compra direta local da Agricultura Familiar - Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e a compra de 30% de tudo o que é consumido com merenda escolar, diretamente da agricultura familiar.

O PAA é uma ação do governo Federal que permite a aquisição de alimentos, da agricultura familiar com isenção de licitação. "A partir de outubro, o Município receberá do governo Federal 609 mil reais, até 2011, que os agricultores possam vender a Secretaria de Agropecuária e Abastecimento até 3.500 reais em alimentos, ao ano. Depois de adquiridos, serão distribuídos a 70 instituições governamentais e não-governamentais de Uberlândia", explicou o secretário de Agropecuária e Abastecimento, Leonídio Bouças.

São frutas, verduras, leite, carne e quitandas. "Alimentos regionais como banana, limão, maracujá, abobrinha, pepino, biscoitos e roscas serão adquiridos de 174 agricultores familiares". Todos estão enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF).

O leite e a carne atenderão as normas do Ministério da Agricultura e os demais produtos, as da ANVISA. "A intenção é enriquecer a dieta dos que serão beneficiados. Para que o alimento chegue à mesa do consumidor com qualidade, optamos por alimentos menos perecíveis. No caso da carne e do leite a inspeção será rigorosa", afirmou.       

Além de instituições, as prefeituras poderão comprar até 30% de tudo o que é consumido com merenda escolar, diretamente da agricultura familiar. "O Fundo Nacional da Educação vai destinar verba para adquirir até 9 mil reais de cada produtor, ao ano", frisou Leonidio. Posteriormente serão definidos os produtores que farão parte do programa. Quem tiver interesse deve participar do Seminário. 

           

Cronograma:

Horário: 8h30 às 9h

Café

 

Horário: 9h às 09h30

Abertura

 

Horário: 9h30 às 10h15

Leonídio Bouças – Secretário Municipal de Agropecuária e Abastecimento

Tema: Núcleo de Agricultura Familiar e Núcleo de Abastecimento 

 

Horário: 10h15 às 11h

Marcelo Resende – Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional

Tema: Ministério de Desenvolvimento Social, PAA e Merenda Escolar

 

Horário: 11h às 13h

Almoço

 

Horário: 13h às 13h45

Gilberto Carlos de Freitas – Emater

Tema: Extensão Rural e Declaração de Aptidão

 

Horário: 13h45 às 14h30

Célio José Vieira - Banco do Brasil

Tema: Pronaf

 

Horário: 14h30 às 15h

Café

 

Horário: 15h às 15h45

Luiz Eduardo Marques Dumont - Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Tema: Compra da Agricultura Familiar para Estoque da Conab. 

 

Horário: 15h45 às 16h30

Aberto ao público

 

Horário: 16h30 às 17h

Considerações e encerramento.

 

Aliteia Milagre

Secom PMU

--
farolcomunitario | rede web de informação e cultura