sexta-feira, 24 de julho de 2009

Saúde promove palestra sobre Tuberculose

Agentes, enfermeiros, técnicos de enfermagem do presídio Jacy de Assis receberam informações sobre a doença 

 

Aproximadamente 200 funcionários do presídio Professor Jacy de Assis receberam na manhã desta sexta-feira (24) informações sobre a Tuberculose, doença infecto-contagiosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis ou Bacilo de Koch, que afeta os pulmões e órgãos como ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro). A palestra foi ministrada pela coordenadora do Programa Municipal de Controle da Tuberculose da Secretaria de Saúde, Rosária Maria Paixão. 


"A proposta é capacitar agentes, enfermeiros, técnicos de enfermagem para que saibam como detectar os sintomas, o contágio e o tratamento da tuberculose. O controle de tuberculose já é feito na unidade de saúde do presídio. Fazemos o acompanhamento medicamentoso e a visita". Ela explicou que alguns exames, como raios x são feitos fora do presídio, mas todo o tratamento, inclusive, coleta de exame é feita dentro do presídio.


De acordo com a diretora de atendimento e ressocialização do presídio, Janaina Vaz Pessoa, a presença da Secretaria de Saúde no presídio é de extrema importância. "Quando o agente suspeita que um detento apresenta o sintoma da doença, ele comunica aos responsáveis de do setor de saúde de imediato. Eles já sabem detectar os sintomas porque são anualmente treinados e conscientizados sobre a doença. Além disso, graças ao Programa Municipal de Controle da Tuberculose temos tudo o que precisamos na rede de saúde, como medicamentos, exames e consultas", concluiu.

 

Alitéia Milagre

Secom PMU


--
farolcomunitario | rede web de informação e cultura